qspsummit2019@qspsummit.com
Lewis Garrad
Lewis Garrad

Principal and business lead, People Science, Growth Markets

Mercer
Lewis é Principal e business lead da People Science da consultora Mercer em toda a região de Growth Markets (economias de rápido crescimento). No exercício da sua função, aplica a sua formação em psicologia organizacional e a experiência em programas de desenvolvimento de talentos orientados por dados, compromisso e desempenho dos colaboradores, de forma a auxiliar líderes empresariais e executivos de RH a projetarem práticas dos recursos que melhoram o desempenho organizacional. Anteriormente à Mercer, Lewis foi o Diretor Geral de operações na Sirota Consulting, na região da Ásia-Pacífico.

Eleito para o top 101 Global Employee Engagement Influencer, colabora regularmente para publicações como a Harvard Business Review, Talent Quarterly e a HQ Asia, nas áreas de RH, compromisso dos colaboradores e liderança.

Lewis projetou e implementou algumas das maiores iniciativas de RH mundiais, incluindo programas de compromisso para empresas como a Shell, Lenovo e a Keppel. Também apoiou o desenvolvimento de programas na área de RH, tendo um papel de liderança no desenvolvimento do Quadro de Aptidões dos Recursos Humanos em Singapura, em parceria com o Ministério do Trabalho, o Institute of Human Resource Professional e o Skills Future Singapore. Possui uma vasta experiência na realização de programas de RH relevantes para os executivos de nível C em empresas mundiais, assim como na simplificação das equipas de liderança sénior, de forma a auxiliar no desbloqueio da eficácia da liderança.
Lewis está ligado à British Psychological Society (BPS) como Psicólogo Ocupacional, formou-se na University of Nottingham, no Reino Unido, com um mestrado em Psicologia Ocupacional e licenciatura First-Class Honours em Psicologia e Neurociência Cognitiva. Lewis também é qualificado pela British Psychological Society em testes de capacidade e questionários de personalidade (Hogan, NEO-PI-r) para avaliação de talentos.

 
Exemplo de Publicações
    • Harvard Business Review (outubro 2017). Artigo Digital, “How to Tell Your Boss That You’re Not Engaged at Work”
    • Harvard Business Review (agosto 2017). Artigo Digital, “How to Make Work More Meaningful for Your Team”
    • Harvard Business Review (fevereiro 2017). Artigo Digital, “If You Want to Motivate Employees, Stop Trusting Your Instincts”
    • Harvard Business Review (agosto 2016). Artigo Digital, “The Dark Side of High Employee Engagement”
    • Talent Quarterly (março 2016). “Employee Engagement: Five Mistakes Your Leaders Are Making”
    • HQ Asia (março 2016). “The Problem with Gut Instinct and Intuition”
    • Percorremos um longo caminho desde a primeira revolução industrial – especialmente na compreensão das pessoas no trabalho: do Taylorismo e Gestão Científica ao Wifi e Wearables.
    • E mesmo assim, parece que ainda vivemos na era da ignorância – fake news e decisões intuitivas dominam as nossas vidas. Até que ponto as novas tecnologias nos ajudam a pensar de forma diferente sobre a natureza humana?
    • A hierarquia é uma função essencial dos grupos humanos, contudo limita a franqueza e a abertura. A maioria das pessoas não fala abertamente com o seu superior.
    • Mas no trabalho (ou em qualquer comunidade), cercar-se de pessoas que são fáceis de agradar ou atenciosas não nos torna mais competentes - embora possa parecer.
    • Num mundo cheio de informação, precisamos de líderes que sejam curiosos, motivados, colaborativos e humildes.